terça-feira, 22 de abril de 2008

Um Mês Depois

Não foi por causa da Crise Infinita mas nós, assim como os heróis da DC, sumimos por uns tempos. Os motivos são aqueles de sempre: excesso de trabalho, compromissos com a faculdade e um ou outro probleminha de saúde (fator de cura faz falta!).

Acontece que ontem eu tava falando com o Liboni justamente que a gente deixou algumas séries do último ano sem cobertura e daria para criar no Pop Balões uma seção igualzinha à revista 52, que conta como foram as coisas no "ano perdido" da DC. Claro que era uma piada, mas assim como a mentira, toda gozação tem um fundo de verdade. Por isso, na atualização de amanhã entra (finalmente!) nosso texto sobre a Guerra Civil.

E há uma vantagem em escrever sobre esse material depois de um certo tempo. Nos dois nos dispusemos a refletir um pouco mais sobre a série e tivemos tempo de ler todas as outras revistas da Marvel interligadas com o evento. Acreditamos que o resultado foi um daqueles textos que nos enchem de orgulho.

Esperamos que vocês curtam e venham aqui no blog para comentar.

Um comentário:

Amalio disse...

Diego, o texto está excelente, principalmente nas observações relacionadas ao mercado. A gente que é fã acaba esquecendo que quem dita o tom das narrativas é o mercado, porque as revistas foram feitas pra vender aos montes e encher os bolsos dos acionistas da Marvel e da DC. Pelo menos desta vez, o mercado está exigindo um material com um pouco mais de qualidade que nos anos 90.