sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Uma Nova Fronteira

Tem uma coisa engraçada sobre esse hiato nas atividades do Pop Balões. Esse tempo que ficamos sem atualizar o site teve duas razões praticamente opostas em relação ao sentimento que temos sobre elas. Por um lado, uma coisa chata que é o momente difícil por que meu amigo Oliboni passou, outra é o momento bom por que eu tenho passado em minha vida acadêmica.

Como já foi dito neste blog, estou na reta final da escrita da minha dissertação de mestrado, que fala da relação dos quadrinhos (principalmente os de super-heróis) com o leitor colecionador, o fã. Nesse trabalho, meu objeto de estudo é a graphic novel DC: A Nova Fronteira. Não é só o tempo que esse trabalho me toma, mas todas as ideías que tenho sobre quadrinhos acabam sendo direcionadas para as análises que faço na pesquisa. Por isso o Pop Balões e até as resenhas do Universo HQ estão em segundo plano por enquanto.

Mas ontem eu recebi uma notícia que mostra que tudo isso tem valido a pena. Saiu o resultado da seleção para o doutorado em lingüística na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e meu nome estava lá entre os aprovados. Com isso, é mais um passo adiante nesse meu trabalho com quadrinhos.

O projeto que apresentei segue a mesma linha de compreensão dos quadrinhos como arte e entretenimento, olhando sempre para a figura desse leitor colecionador e a mídia especializada como parte do espetáculo que os quadrinhos são hoje. É o mesmo olhar que apresentamos nas matétrias do Pop Balões e nas resenhas do UHQ, inclusive com a presença de questionamentos parecidos que mostram que há muito o que se discutir sobre esse gênero.

Por isso divido esse momento bom da minha carreira com os amigos que acompanham esse blog e nossos outros escritos, pois foi com o diálogo que estabelcemos com vocês que surgiram boa parte das idéias que coloquei na pesquisa.

Alguns anos atrás o Oliboni e eu passávamos tardes inteiras formulando essas idéias meio sem compromisso. Hoje estão até impressas em livros e anais de congressos. Acho que foi um grande passo que demos juntos. E agora há um novo horizonte, uma nova fronteira a ser alcançada e superada, com a certeza de que o fim ainda está bem longe.

2 comentários:

Zé Oliboni disse...

Tem coisas que sempre justificam, o seu trabalho render os frutos que tem rendido, principalmente agora com a chegada do doutrorado, justifica um pouco nossa ausência, principalmente se for para voltarmos produzindo com uma qualidade melhor do que antes!

Amalio Damas disse...

Parabéns Diego! É sem dúvida uma notícia muito boa pra você, pra nós que te acompanhamos e pra todos que gostam de quadrinhos. Boa sorte e força na peruca!