sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Quinta com Quadrinhos


Ontem tive um bom dia com amigos e quadrinhos. Como na quarta-feira acabei perdendo a oportunidade de ver o Liniers na FNAC, fui encontrar o cara na HQMIX Livraria. Dei a sorte de conversar com o cartunista argentino e pegar autógrafos para mim e para o Diego. Conheci o simpático Cláudio, publisher da editora Zarabatana (a casa do Liniers no Brasil), conversamos um pouco sobre as dificuldades que o existem no mercado brasileiro, principalmente na eterna questão da distribuição, algo que parece que nunca terá um consenso.

Coincidentemente encontrei Ronaldo Barata! Ele estava lá desenhando uma HQ coletiva que estava sendo construída como parte da comemoração pelo aniversário de um ano da HQMIX. O Barata é diretor de uma das unidades da Quanta Academia de Artes, webmaster do Universo HQ, excelente desenhista e um cara muito bom de papo.

Sabe aquelas pessoas com quem, sempre que você tem uma conversa, ela é enriquecedora? Esse é o Barata! Quando tenho a oportunidade de encontrá-lo e conversar com ele sobre quadrinhos, arte, internet, design, etc sinto que aprendo coisas novas. É claro que tem o lado que o sujeito é um excelente artista, mas a escolha dele de ser professor é mais do que adequada, esse lado dele de ensinar as coisas, passar conhecimento é tão natural que em um bate-papo na boa você acaba aprendendo várias coisas.

Depois da HQMIX ainda dei uma passada no clube TAPAS, onde todas as quintas acontece a festa MOJO CLUB. A festa é promovida pela editora MOJO BOOKS e, assim como a editora, tem uma proposta toda descolada e diferente. O clube tem um ambiente lounge, bem descontraído, com um som super bacana.

Quem abriu a discotecagem da noite, com uma seleção brasileira dos anos 60, foi o jornalista, editor, colaborador do UHQ e, mais importante, meu amigo, Delfin. Depois ele deixou o lado de trás do balcão e encerrei minha noite conversando com ele e o Ricardo Malta (também do UHQ).

São pouco os meus dias que são assim tão diferentes, mas fico feliz em saber que sempre dá para contar com bons amigos para conversar sobre bons quadrinhos a qualquer hora do dia.

PS.: Como se não bastasse, entre um lugar e outro, encontrei meu conterrâneo Jozz (Circo de Lucca e Zine Royale) .

4 comentários:

Amalio Damas disse...

Vida agitada hein Zé! Isso é muito bom. Eu estou igual a TV Gazeta, ninguém liga pra mim, hehehe!!! Ainda bem que eu tenho vocês, meus amigos virtuais, e olha que eu não estou falando do tamagochi (alguém ainda lembra dessa merda além de mim?).

Zé Oliboni disse...

Também você mora em Franca, a cidade que tem um deputado apelidado de "sapateiro" com o genial projeto de mudar a capital do estado para Bauru, "a cidade sem limites" para ficar mais no centro geográfico do estado... você queria o que... rsrs. Ah... eu lembro dos tamagoshis

Virtual Barata disse...

Nossa! Quantos elogio para a minha pessoa! Puxa, lágrimas saltam aos meus olhos...
Zé, é sempre um prazer conversar com vc. Pena que estas conversas acabam quase que só acontecendo por um acaso... hehehehehe...

Abs!

Amalio Damas disse...

É que você não conhece o Zé Roya, a Nilva Ronca e o Marcelo Valim, o vereador que apresenta o programa "A Hora do Cacete", portanto, esse sapateiro aí é normal pra cacete, hehehehe!!! Um abraço.